Você que como eu foi adolescente nos anos 2000, acredita que um dos cds que marcou uma geração completou 18 anos? É isso mesmo toda a loucura de “Around The World” já pode ser considerado maior de idade.

Me sinto como você, Shamu

Apesar de já existir internet, a maioria das adolescentes como eu vivia consumindo informações sobre os artistas que gostávamos através de revistas ou pela MTV. Na época, não existia Twitter, Facebook ou qualquer outra coisa que nos deixava mais próximas – Exceto a America On Line.

Ah, AIM! ❤️

Então, depois do sucesso de “Millennium”, todos os fãs estavam ansiosos para saber o que viria. Sabíamos que eles – os Backstreet Boys, haviam voltado aos estúdios em meio a turnê para trabalhar com os mesmos produtores do sucesso anterior.

Até que veio a bomba: Os BSB iriam vir ao Brasil para divulgar o CD.

O que hoje é tão normal para alguns artistas, na época foi um quiprocó. E não estou dizendo que era por eles virem, eu to dizendo pois eles não apenas viriam ao Brasil, mas sim dariam a volta no mundo para visitar os 5 continentes e divulgar o novo álbum, em um avião particular locado e decorado para eles. Uma loucura né?

A gente sabe que uma turnê assim leva tempo, preparação, mas as únicas coisas que eram certas: seriam poucas horas em solo brasileiro, a Lojas Americanas era a principal patrocinadora e o Gugu iria ser o host das entrevistas.

E claro, que essa doideira rendeu ótimos frutos para a banda: um Rio de Janeiro lotado de fãs na porta do hotel em pleno feriado, um DVD e promoção grátis do cd!

As cidades visitadas foram Estocolmo, Tóquio, Cidade do Cabo, Rio de Janeiro e claro, Nova Iorque. Se você tem curiosidade, coloca no Youtube Backstreet Boys Around The World, tem diversos videos da loucura que eles fizeram.

Mas vamos falar do CD em si – não que o show deles do Sabadão tenha sido algo que tenha de ser esquecido, mas gente foi um show montando em 3 horas, devido ao caos na porta do hotel!

A primeira coisa que os Boys tinham se tornado homens, e isso já dava pra ver no primeiro clipe: Shape of my Heart. Eu super entendi eles lançarem essa balada como o primeiro single, mas não era a cara do cd.

Mas ai veio o segundo single, The Call, e foi um choque. Mesmo a versão regular da música – que tá no cd – é boa, mas a versão Neptunes, ela que reina nos meus ouvidos. Porém, posso falar? a versão original pro video é muito melhor.

Depois desse single, a banda começou a turnê mundial – que vocês sabem que culminaria na internação do AJ e depois do episodio do 11 de Setembro, numa pausa forçada, mas ainda teve mais outra música de trabalho, uma outra balada, More Than That!

Mas ai você pensa o cd é só balada, e posso dizer: MIL vezes não! Apesar delas não serem singles, as faixas marcantes e pop chicletes estavam lá na turnê.

A terceira faixa do álbum, “Get Another Boyfriend”, é uma música maravilhosa que dá tapa na cara de muita gente quando é preciso!

Já Shinning Star, que é quarta faixa, nos ao vivos da turnê era maravilhosa, não tinha como ficar parada!

Depois de duas faixas dançantes, voltamos para I Promise You (With Everything I Am), que é aquela baladinha típica de meio de cd para quebrar o clima dançante.

Claro que a sexta faixa seria outra pop chiclete, The Answer to Our Life. É daquelas para ouvir em uma viagem de carro sabe?

Já a sétima faixa, se você teve em alguns dos shows dessa turnê, seja em São Paulo, no Rio ou até no Japão, sabe o quando imponente ela é! Everyone abria a turnê e trazia todo o poder vocal dos meninos, até na versão cd.

A próxima faixa foi citada ali em cima (More than That), então caminhamos para uma faixa bem significativa. Time é uma faixa semi balada, que retoma um pouco daqueles BSB que faziam a capella. Na apresentação do BR não tinha passarela.

Claro que depois de uma balada, vem uma porrada, e Not for me faz esse serviço! Quem nunca viu ela ao vivo, não tem noção do poder dessa música.

As próximas três faixas, sem contar um bonus, seguem a ideia de baladas. Yes I Will foi um ponto alto da turnê comsua roupinha branca e bengalinhas!

Já It’s True foi a única faixa do cd que não foi para a turnê. Talvez por ser lentaaaa demais, nem os Boys conseguiram aguentar.



A última faixa oficial ,do cd, How did I Fall in love with you também é balada, e diferente da anterior, foi pros shows!



E eu não posso deixar de falar da música bônus do CD What Makes You Different (Makes You Beautiful), porque ela só faz parte da trilha sonora de “Diário da Princesa”, além de ter feito parte do setlist de turnê com a roupinha branca!

Ufa! Esse cd de diversas formas marcou os anos 2000/2001. E eu citei ali acima a América On Line e têm um monte de video aqui que cita Dallas, deem parabéns para ela! Depois da internação do AJ, a AOL e o Burger King fizeram um live streaming (na época bem raro) do show mundialmente pros seus clientes. Quem mais assistiu ao vivo?

Me fale, você foi TeamBalada ou TeamPop nesse cd? Qual sua faixa favorita?

Separe a bebida, ligue o Spotify e bora curtir o cd que já é maior de idade!Ps: o Cd saiu no BR dia 20/11 mas eu considero a data mundial, 21/11!