“…I am a man who will fight for your honor…”, Daniel San! Quem nunca ouviu ou viu Karatê Kid que atire a primeira pedra! Mas esse ano temos nos cinemas a refilmagem, e ai, Jackie Chan se saiu bem como “mestre”?


Karatê Kid (The Karatê Kid)
Ano: 2010
Duração: 140 min
Elenco: Jaden Smith e  Jackie Chan
Refilmagem do clássico da Sessão da Tarde, filmado em 1984.

Sinopse: Dre (Jaden Smith) vai com sua mãe para a China contra a sua vontade para que ela possa trabalhar. Ele não conhece a língua e tem dificuldade de se relacionar com as crianças de lá. Ele sofre agressões verbais e psicológicas que não demoram para chegar a agressão física. Ele conhece Mr. Han (Jackie Chan) que se oferece para ensinar mandarim e artes marciais para o garoto.

Ok, a primeira coisa antes de eu começar a escrever sobre Karatê Kid é explicar que a música “Glory of love”, é aquela ali de cima, não faz parte do filme 1, e sim da parte II. Agora, vamos falar do filme!

Quando sairam as noticias que o clássico da Sessão da Tarde, Karatê Kid – A Hora da Verdade (sim o nome em português do primeiro filme É ESSE!), a reclamação geral e até mesmo minha rolou, mas…

Mas tive que primeiro ler tudo o que falaram! Primeiro foi quando citaram o nome do Will Smith na produção. Sabe aquela história de fulano na terra e deus no céu, então, comigo Will Smith está nos nomes que eu posso fazer isso! Depois entrou o nome do Jackie Chan, mesma coisa do já citado Will. Quando li isso imagem os faniquitos que tive! Will Smith e Jackie Chan num filme só? Bota Fátima Robison, Backstreet Boys e Meg Cabot que ai me matam mesmo!

Bom, loucuras e insanidades a parte, quando começou o filme fiquei com a impressão de que Não ia gostar apesar dos Trailers serem muito bons! E foi O MAIOR ENGANO. Como disse muitos jornais, foi o filme que salvou o verão norte-americano! Sabe aquela história de reinventar algo que conhecemos?

Quando começa o filme a gente fala: Nossa já vi isso! Ok, sim você já viu, mas sabe a sensação de ares novos? É o que acontece. Saímos dos Estados Unidos e vamos parar na China (Fator MUITO importante já que o filme é co-produção EUA/China), tiramos o cunho de valentões das escola para o bullying que uma criança fora da cultura do local sente e também o preconceito dos outros (Alguns críticos não entenderam bem esse estilo porque o menino da China tenta amedronta o Dre só por ele chegar perto da menina do colégio, que vira tipo “namoradinha” dele…vamos lembrar que o Daniel-San tinha uns 15 anos, e Dre no máximo 12!).Também li que o Jackie foi mal aproveitado, haha! Eles realmente viram o primeiro filme? o Sr. Myagi tinha os mesmos problemas do Sr.Han – homem amargurado pela perda da família. É um personagem denso e muito bom!

Outra coisa que adorei no filme, foram as cenas de Luta. Rápidas, bem coreográfadas e utilizando bem a elasticidade que o Jaden possui pela pouca idade,as lutas provavelmente coreógrafadas pela equipe do Jackie se torna algo veloz e rápido!! Isso talvez seja a maior inovação do filme! Junto também com as belas imagens da China.

Por todos essas mudanças e aquela velho saudosismo, vale a pena ver “Karatê Kid”.

Fiquem com os Trailers da versão original, da atual e as duas músicas dos filmes.

Trailer Karate Kid (1984)

Trailer Karatê Kid (2010)

Música Tema de Karatê Kid II – Glory of Love – Peter Cetera

Música Tema 2010 – Never Say Never – Justin Bieber feat Jaden Smith

Ps: Cada vez mais o Jaden fica o Willard! E eu ainda sonho com o um filme do Jackie e do Will dividindo a cena… algo como Homens do Rush, Hora Day! Huahauaa!