Vou mudar só um pouquinho a tabela de postagens aqui do blog, e o #Dasemana passou para a Segunda, enquanto os #Apps foram para as terças – e vou aproveitar e juntar 2 semanas!

#Cinema
9c2e77e4b83211e2a0c022000a1f918d_7As semanas que passaram foram calmas, acreditem ou não. Cinema não rolou, mas em casa assistimos novamente “Speed Racer” – que veio dos EUA na mala da volta e “Meu Malvado Favorito” – e que ficamos apaixonados depois do brinquedo da Universal (que ainda vai aparecer logo logo aqui).

Um lançamento direto para DVD/Blu-ray e que aproveitamos para assistir, foi o “Superman – Sem Limites”. A história é bem legal – e pelo menos o senhor Supinha está de cueca. Um adendo: na versão em inglês, as vozes de Lois Lane e da Supergirl são de “Castle“. Stana Katic (a Beckett) e Molly Quinn (a Alex) dublam as personagens citadas – sem contar que na versão nacional, o Guilherme Briggs que dubla o Nathan Fillion (o Castle) é o dublador oficial de Clark Kent. Muito amor né? <3

#Seriados
Season Finale de #Glee foi #xoxa, enquanto a de #Castle foi algo que vai deixar TODO MUNDO querendo esganar a Beckett para saber a resposta! Enquanto isso, TBBT tá quase no finalzinho (falta entrarmos na Season 6) e vou fazer uma maratona de “2 Broke Girls” porque parei no episódio 16 da segunda temporada.

#Livros
Eu sei, eu sri…Já falei isso aqui e vou repetir: tenho 3 livros no Ipad para começar a destrinçar. Vamos ver se essa semana ajuda! Se você tiver algum livro para recomendar: aceito dicas =P.

#Música
Acreditem ou não, tô com uma música do Pitbull na cabeça! huahaua Ok vai ele é legal e Back in Time (para “Homens de Preto 3”) também é boa. Mas a que está tocando em looping na minha cabeça “Feel This Moment” que tem como feat a Christina Aguilera! E para melhorar, ontem no evento da Bilboard além dos dois, o A-ha subiu ao palco – já que a música tem como base a clássica “Take on me”.

#Outros
E eu nem vou comentar de futebol porque né? Mas Sábado passado ainda fiz um curso em Sampa de Monitoramento junto a Métricas e aproveitei para matar saudades da Nayla – dog do meu Tio que mais parece um bebê chorão – e da família também!

Ufa, e não é que deu coisa pra caramba?