Seriado: Bridgerton

Se você esteve nas redes sociais nas últimas semanas deve ter acompanhando um tema recorrente: “Bridgerton”, série que estreou no Netflix e é uma adaptação de uma coleção de livros da Julia Quinn. Querem saber o que achei?

Bridgerton

Bridgerton e Julia Quin

Quando foi anunciado lá em 2019 que a Shonda Rhimes – produtora de “Grey’s Anatomy”, iria adaptar essa série, muitas pessoas botaram fé. Se tem uma autora que eu sempre tive vontade de ler, mas sabe quando você passa outros na frente, foi a Julia Quinn então coloquei na cabeça: assim que sair a série, vou ler.

Vamos explicar os livros: “Bridgerton” é baseado numa série de 9 livros escritos pela Julia, que mostra a vida dos filhos de Viscondessa Violet. O primeiro livro, “O Duque e Eu”, foi lançado em 2000 e apresenta a quarta filha de Violet, Daphne, que torna-se uma opção para Simon, o Duque de Hastings, e amigo de seu irmão para fugir das jovens obcecadas para casar.

Entendeu a ideia né? Então vamos à série.

Como eu não li o livro ainda – tá no meu Kindle para ser lido depois do “A Troca”, eu comecei a ver a série basicamente do modo que eu gosto: sem referência nenhuma anterior. Até este momento em que publico este post, finalizei o 4º episódio, e estou chegando no que têm o mesmo nome do livro de que se baseia.

Um fato importante de se lembrar é que cada episódio tem em média 1 hora, então não dá para maratonar muito.

A primeira coisa que adorei foi a fotografia da série, bem como o figurino. Outra coisa que gostei de cara foi com a Daphne, principalmente por ouvir muito a tudo que acontece a seu redor. Claro que não podemos deixar de lado Simon, que tornou o ator Regé-Jean Page em um dos homens mais googleados do mundo.

Bridgerton

E as músicas? O que mais me chamou a atenção foram as versões orquestradas de “Bad Guy”, “Girl Like You” e “Thank you, next”.

Com um enredo leve: sim gente, a série tem um enredo leve, bem tipico dessa literatura e consegue cativar o telespectador capítulo por capítulo. Tanto é que o título, segundo divulgado em matéria do Na Telinha, está em primeiro lugar no TOP 10 de 76 países no Netflix. Além disso, quando um seriado baseado em livro faz sucesso, é claro que a procura também aumenta: só a busca pelos livros cresceu 3.330%.

Olha só o trailer:

Devo terminar a série em breve – logo logo preciso já assistir a segunda temporada de “Virgin River“, mas já fico curiosa se teremos a continuação da série seguindo os livros.

E você, já assistiu “Bridgerton”? O que achou de Simon e Daphne?

Gostou desse post? Você pode curtir estes também:

Thaís do Nerdiva
Thais, 35 anos, Santista, comedora compulsiva de junkie food, viciada em coisas bonitinhas e na maioria das vezes nos tons de rosa! Seu lugar preferido no mundo é a Main Street da Disney, e não estranhe a cara na foto, porque ela adora um blingbling!

Deixe um comentário :D

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Thais, 35 anos, Santista, viciada em coisas bonitinhas e na maioria das vezes nos tons de rosa! Seu lugar preferido no mundo é a Main Street do Magic Kingdom e não estranhe a cara na foto, mas ela adora super-heróis, Capitão América e fechar game de luta sem usar especiais.
Quer receber dicas, trocar ideias, tudo em primeira mão? Faça parte do nosso grupo no Telegram.
* Alguns links presentes no blog são de afiliados, onde o blog recebe comissão pelo click ou venda, ajudando na sua manutenção.
O Nerdiva é um site pessoal no ar desde 2010. Não temos ligação com Marvel, DC, Disney, Lucasfilm, Starbucks. E nem reclame que aqui está cheio de glitter!

Receba nossa newsletter

Click edit button to change this text. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit

Receba nossos posts em primeira mão!